FHB Salão de Beleza em Londres - A sua Cabeleireira Brasileira

05/03/2012

Alisamento e gravidez não combinam

Os obstetras têm bons motivos para proibir o uso de alisantes na gestação. Além do risco de causarem alergia, por causa da sensibilidade aumentada da grávida, eles são nocivos ao bebê.

Algumas substâncias usadas no primeiro e no segundo trimestres da gravidez, aumentam em até três vezes o risco de leucemia antes dos 2 anos. As escovas progressivas também não servem para as grávidas.

Mas, se não aceita a ideia de trocar o time das lisas pelo das cacheadas, não precisa passar os próximos nove meses de mal com o espelho. Com secadores de última geração e produtos poderosos, será fácil domar os fios.

A boa e velha escova feita com o secador não tem contraindicação. O uso de escova térmica fecha a cutícula dos fios e melhora a hidratação. Isso diminui o arrepiado e intensifica o brilho. Também a nova geração de finalizadores conspira a favor dos lisos. Além de proteger do calor do secador e da chapinha, eles facilitam a escovação e fazem o liso durar mais.

Aliados fora de série
Liberados na gravidez, estes produtos atuam como coadjuvantes da escova e fazem muito mais do que proteger os fios do calor do secador e da chapinha.